Quíron em Áries: A Força da sua Fragilidade

Se você tem algum planeta no início dos signos cardinais (Áries, Câncer, Libra e Capricórnio), este post é para você. Entre 18/2/2019 e abril de 2027, o curador ferido (Quíron) estará em trânsito pelo signo do guerreiro (Áries), o que nos obrigará a confrontar uma vulnerabilidade e nos convidará a lutar ativamente pelo nosso direito de sermos frágeis.

 

Durante este trânsito, podemos nos encontrar em situações onde os outros nos acusam de algo, especialmente quando estamos em desvantagem (por exemplo, quando somos minoria em um grupo racial, social ou profissional), onde a maioria fica revoltada por ousarmos agir ou pensar de maneira diferente.

 

E por mais pressionados ou julgados que sejamos, podemos terminar decidindo não participar da "briga", seja porque não queremos fazer ninguém mudar de ideia ou porque nos recusamos a aceitar a pressão externa para mudar a nossa posição diante da situação. Quíron em Áries, neste caso, funciona como aquele que nos encoraja a desafiar o que os outros pensam ser certo, as normas e regras estabelecidas, dizendo que não se trata só de fazermos o que é certo para os demais, mas também de honrar o que pensamos e sentimos, sem diminuir nem humilhar ninguém.

 

Áries sempre nos pede coragem. Mas talvez aquilo que possamos fazer de mais corajoso agora seja reconhecer e aceitar aquilo que dói, sem culpa nem vergonhas, abraçando o nosso direito de assumir abertamente que estamos com medo ou sofrendo. E mesmo que levantemos a bandeira branca, revelando as nossas vulnerabilidades e falando daquilo que nos machuca, conforme recomenda o trânsito, podemos ser acusados de estarmos "nos fazendo de vítima".

 

Mas não é hora de desanimar nem desistir, porque o caminho é este mesmo. Reconhecer a nossa fragilidade, dor e vulnerabilidade não significa nos rendermos ao que querem nos impôr. Esta decisão pode (e deve) vir acompanhada pela força de persistir em algo que define a nossa identidade, com o qual nos identificamos profundamente, apesar da dor e das consequências que isso trás.

 

Porque com Áries a gente segue em frente, mesmo sabendo que aquela ferida nunca vai deixar de existir. Aceitando e integrando o que sempre será uma vulnerabilidade para a gente, talvez consigamos nos empoderar naquilo que “supostamente” é o nosso ponto mais fraco, sem deixar que ele nos domine ou controle. Não esqueça, no entanto, que na área onde temos Áries nunca nos sentiremos tão bem-sucedidos ou bem resolvidos como as outras pessoas. Mas isso não pode nos impedir de caminhar, porque Áries segue sempre em frente.

 

Aliás, aquela vulnerabilidade pode, com o tempo, se tornar um lugar de força, tornando-nos o pioneiro (Áries) em algo que outras pessoas também sentem, mas nunca conseguiram lidar com aquilo de frente. Então, nos tornamos um recurso e uma referência para elas, sendo reconhecidos como alguém mais forte, saudável e livre do que aqueles que tentaram nos dizer que nossa forma de ser e pensar era errada ou deveria ser diferente, tornando-nos um ponto de “luz” para outros que estão atravessando a mesma “escuridão”.

 

Com isso, embora a ferida não se feche nem se cure totalmente, fica mais fácil de levar. Com autoaceitação, fica bem mais fácil.

 

Os primeiros 2 graus de Áries serão ativados desde 18/2 até 10/4 de 2019. Depois, entre outubro de 2019 e fevereiro de 2020 esses pontos serão tocados de novo, com Quíron retrógrado. Se você tiver algum planeta entre 0 e 2 graus de Áries, Libra, Câncer e Capricórnio, aqui estão algumas possíveis manifestações do trânsito:

 

  • Áries: qualquer ferida ou vulnerabilidade que você carrega na parte do seu mapa onde você tem Áries será exposta. Mas como Quíron está transitando este signo, você também terá acesso direto a cura. O que dói está à sua frente: não fuja! Abrace o que dói e se empodere nisso.

  • Libra: Quíron fará oposição a planetas nos dois primeiros graus de Libra. Portanto, você pode ser obrigado a lidar com projeções que outros fazem sobre você naquela área do seu mapa. Feridas relacionais e sociais poderão ser um grande ponto de preocupação.

  • Câncer e Capricórnio: Quíron fará uma quadratura a estes signos. Logo, planetas nos primeiros graus de Câncer ou Capricórnio serão afetados por uma crise dolorosa, mas também terão a oportunidade de resolvê-las. A tensão tornará este o aspecto mais ativo entre todos. Com isso, você se sentirá altamente motivada a fazer algo a respeito. Faça, porque aqui ação equivale a progresso.

Please reload